As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão abertas na próxima segunda-feira, a partir das 10h, e seguirão até as 23h59 de 10 de junho, feitas exclusivamente pela internet. O valor será de R$ 35. A partir de 2012, haverá pelo menos duas edições anuais do exame – a primeira será em 28 e 29 de abril e a segunda deve ocorrer em novembro, após as eleições municipais. “É fundamental termos mais oportunidades de avaliar como estamos”, disse hoje a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Malvina Tania Tuttman. Segundo ela, a realização de mais de duas edições dependerá do banco de itens.

Conforme o Grupo Estado antecipou, a prova do Enem deste ano será aplicada nos dias 22 e 23 de outubro.
Após duas edições marcadas por uma série de problemas, o Inep recorreu a uma empresa de gestão de riscos, que receberá até R$ 5 milhões, e ao Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) para evitar imprevistos. O Inep também instituiu um grupo de operações de logística para monitorar desde a impressão do exame até a aplicação da prova nas salas.

Riscos
A empresa Módulo – Solutions For Governance, Risk and Compliance, contratada por meio de pregão, ficará responsável pelo check-list de 1.276 itens de toda a etapa de produção do exame – segundo informou o Inep, o valor do serviço pode chegar a R$ 5 milhões. Já o Inmetro, com quem o Inep firmou parceria, atuará com uma equipe para acompanhar o trabalho da gráfica RR Donnelley, a mesma responsável pela impressão do Enem do ano passado.

Leia mais em Estadão